Zurique, Suíça, tem seu primeiro “drive-in” do sexo

Drive-in do sexo será inaugurado hoje, 26.8.13, em Zurique para retirar prostituição do centro da cidade. Conforto, discrição e segurança serão garantidos, tanto para as meninas como para os clientes, segundo o diretor municipal dos serviços sociais para trabalhadoras do sexo. Confira. OG.

REUTERS/Arnd Wiegmann
prostituição

A cidade suíça de Zurique vai inaugurar na segunda-feira o primeiro “drive-in” de sexo do país, para onde vai deslocar o comércio do sexo retirando-o do centro da cidade.

A decisão, inspirada numa iniciativa semelhante na Alemanha, apoiada pela larga maioria dos partidos locais e aprovada por 52,6% da população num referendo realizado em março de 2012, responde ao desejo das autoridades locais de alterarem a imagem da Sihlquai, uma rua famosa no centro de Zurique, onde as prostitutas oferecem os seus serviços.

O novo espaço oferece nove “sex boxes” a prostitutas e respetivos clientes a partir de dia 26, numa antiga zona industrial na zona oeste da cidade.

“A prostituição é basicamente um negócio. Não a podemos proibir, portanto queremos controlá-la a favor das profissionais do sexo e da população”, afirmou à AFP Michael Herzig, diretor municipal dos serviços sociais para trabalhadoras do sexo. “Porque, se não a controlarmos, o crime organizado e os proxenetas tomarão conta”, acrescentou.

As autoridades locais reconhecem que não têm quaisquer garantias de que o novo local terá sucesso, mas não têm poupado esforços para convencer as prostitutas a visitarem o “drive-in”, que apresenta espaços discretos, protegidos por vedações altas, e onde imperam regras claramente definidas. Os clientes devem ter mais de 18 anos, entram um por automóvel, e estão instalados botões de alarme para prevenir eventuais violências ou atender a urgências.

Anúncios


Categorias:Cultura

Tags:, , , , ,

%d blogueiros gostam disto: